Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

* Padrinhos de Portugal *

Com 40€/mês pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, material escolar, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderia fazer sem a nossa ajuda

* Padrinhos de Portugal *

Com 40€/mês pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, material escolar, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderia fazer sem a nossa ajuda

Festa de Natal - Praia Nova

Ola Padrinhos,

A festa de Natal dos nossos meninos foi como sempre animada.

Realizou-se na última semana de aulas, estando neste momento de férias devido ao fim do ano letivo.

Partilho convosco algumas fotos da festinha.

CIMG2891 CIMG2892

CIMG2910 CIMG2911

CIMG2912 CIMG2913

CIMG2914 CIMG2916

CIMG2917 CIMG2924

CIMG2925

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Festa de Natal em Marracuene [2]

Aqui vão algumas das muito poucas fotos que tirei, mas que ilustram um pouquinho do nosso Natal.
O Grupo M é o grupinho dos meninos mais crescidinhos que nestas férias têm frequentado o Centro, e neles apostamos muito, pois estão esfomeados de conhecimentos, etc. Temos trabalho com eles em cultura geral, boas maneiras, etc.  São fantásticos. Respondem a tudo com muito entusiasmo. É preciso mandá-los embora, e vão sempre muito tristes. Quase choravam no fim da festa, e me perguntavam: «Tia, e agora?» Prometemos continuar, aliás não é uma promessa, é um dever, pois eles merecem e estão sempre muito receptivos.
Bjs
F

Festa de Natal em Marracuene

«Catarina e Padrinhos
Ontem, 20 de Dezembro de 2008 será, de certeza, um dia marcante na vida dos nossos pequenos.
Eram 5.30 da manhã, carregámos os presentes em Maputo, numa viatura alugada. Partimos de seguida para Marracuene, onde chegámos pouco antes das 6.30 e... a maior parte das crianças já estava no portão! Montámos a Árvore de Natal, arrumaram-se os presentes, cadeiras, etc., todo o mundo participou e,  às 8.30 já estava tudo pronto para a festa começar.

Correu tudo muito bem, com muita alegria, muitas mensagens por eles escritas para os Padrinhos, assim como canções e um valente rap dedicados aos Padrinhos. Tudo debaixo de um intenso calor, quem estava ao sol transpirava por todos os poros mas não queria de lá sair. A entrega das prendas foi muito engraçada. Brinquedos, roupas, etc, foi tudo experimentado ali!
Os ausentes foram muitos. Também distribuímos guloseimas, algumas das quais recebidas dos Padrinhos.
Houve um muito emocionante encontro Madrinha/Afilhada, acompanhado de uma canção de "Boas-vindas Madrinha Conceição".
Os meninos portaram-se muito, muito bem.

Embora o nosso programinha tivesse sido planeado e ensaiado ao pormenor, o cameraman chegou uma hora atrasado e houve interferências que não permitiram que a entrega dos presentes fosse filmada quase na totalidade. Como eu estava ocupadíssima, não pude tirar fotos, pelo que  os Padrinhos não poderão ver os seus meninos a receberem os presentes que lhes enviaram. Apenas tirei uma foto em conjunto, que irei enviar amanhã.

Muito obrigado Tia Catarina - Muito obrigado  PADRINHOS DE PORTUGAL  ..... gritaram por várias vezes estas crianças ontem, e eu junto a minha às vozes delas MUITO OBRIGADO POR TUDO O QUE TÊM PROPORCIONADO A ESTES MENINOS
BEM HAJAM  FELIZ  E SANTO NATAL E UM FANTÁSTICO 2009
Bjs
Francisca»

Mais sobre mim

foto do autor

Podcast Padrinhos de Portugal
Godparents of Portugal

Este projecto começou em Novembro de 2002, depois de ter estado dois meses a trabalhar como voluntária na Cidade da Beira, em Moçambique, junto de crianças extremamente carenciadas. A vontade de fazer algo mais e com uma maior continuidade, levou a que surgisse a ideia de montar um semi-internato no Alto da Manga, um bairro localizado no mato, acerca de quinze quilómetros da Cidade da Beira.
Comecei por pedir a ajuda de um padre e de uma freira locais, que se responsabilizaram desde logo pela gestão do projecto no terreno, e iniciei então a selecção de dez crianças oriundas de familias bastante desfavorecidas.
O projecto começou com 10 crianças e 10 padrinhos. Actualmente são 600.
Catarina Serra Lopes
padrinhosdeportugal@gmail.com
Com 40 euros mensais pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá fazer sem a sua dádiva.

De forma a potenciar a Associação e a encetar novos projectos, complementares ao apoio às crianças, os Padrinhos de Portugal aceitam contribuições esporádicas de empresas e particulares, sem ser necessário um apadrinhamento permanente. Para efeitos fiscais é passado um recibo ao abrigo da lei do mecenato. Contribua através do NIB - Número de Identificação Bancária 0010 0000 42292330001 85 IBAN - Numero Internacional de Conta Bancária PT50 0010 0000 4229 2330 0018 5 SWIFT/BIC BBPIPTPL

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D