* Padrinhos de Portugal *

Agosto 24 2017
Queridos Padrinhos, 
Esperamos que se encontrem bem e entre o ir e vir de férias...!
Chegou mais um Verão e, com ele, mais uma ida à Beira para avançar a construção do nosso centro da Praia Nova!
Tal como se lembram, na nossa ida do ano passado voltámos a garantir a Licença de Uso e Aproveitamento do Território, obtivemos a aprovação do projeto de arquitetura pelo município, aterrámos o terreno e  construímos o muro que delimita a área onde vai ser construído o centro!
Agora é hora de avançar para uma nova etapa!...e por isso a equipa do Terra a Terra vai estar na Beira de 4 de Agosto a 4 de Setembro.
Os nossos objetivos são:
  • Instalar água e eletricidade;
  • Construir as instalações sanitárias (Fundamental);
  • Pintar o muro e colocar um portão;
  • Levantar uma sala provisória;
  • Plantar árvores.
....desta forma podemos ter todas as crianças a usar o novo centro já no próximo ano letivo, o que nos enche de alegria! 
Estamos já em contacto com empresas em Moçambique que nos vão doar alguns materiais para as casas de banho, mas vamos precisar sempre de comprar materiais e de alguma mão de obra especializada. 
Por isso vimos mais uma vez apelar à vossa enorme generosidade para mais esta etapa do projeto através ou de uma doação direta (NIB: 0010 0000 42292330002 82ou da participação na compra de capulanas que estão à venda na Casa de Chá de Santa Isabel (Vicentinas) que tanto nos têm ajudado! 
Morada: Rua de São Bento 700 (perto do Largo do Rato).

grupo

Estamos juntos, 
Madalena Caiado, Marta Saraiva, Luísa Almeida, João Migeul SIlva, Duarte Vieira, Adélia Juca, Adélia, Ademira Julião, Age Ali, Aina Isufo, Ali Amiss, Alima Bernardo, Alima Pinto, Amélia Zacarias, Amélia, Ana Bernardo, Ancha Matias, António Chicote, Argentina, Augusto Momade, Carlos, Cassilda Bernardino, Cátia Alberto, Cátija Armando, Dionísio Julião, Djissa, Domingos Luís, Esperança António, Eugénia Machega, Felizardo, Filomeno Bernardo, Frank, Freitas Mbuca, Gabriel Vilanculos, Guido Janeiro, Helena Cassildo, Helena Fernando, Helena Zambique, Hortêncio Orlando, Ibraimo Pereira, Inês Micanisto, Isabel Bobo, Isac Silva, Isidio, Jackson, Jiaua Ngucha, Jinito Tomaz, João Filipe, José Zito, Josefa, Latifa Hilário, Latife, Laurinda Eusébio, Letícia Julião, Letícia Nhamune, Lina, Lourenço Chadu, Luís Fiosse, Luís Zambique, Madalena Aiuba, Madina Limpo, Mafalda Martins, Maria Chicote, Maria Luz, Maria, Mateus Costumes,  Maurício Martins, Miguelito Lemos, Moniche Gastão, Moniche, Mussa Mussa, Nelson Oliveira, Nilda, Nito Orlando, Omar Bernardo, Paulo Nhungo, Pereira Herculano, Rachil Abel, Rebeca Machega, Regino Casimiro, Rita Armando, Rui Coimbra, Samuel Batista, Senito Orlando, Sofia Herculano, Steven Armando, Tito David, Tomás Pereira, Toni Toni, Tonito Portugal, Vasco  Rafael, Vírgino Cipriano, Vítor Janeiro, Vitória José, Yassine Lázaro, Zaidina, Zarina Neves, Zelca Gastão, Zulmirinha, e todos os outros meninos da Praia Nova.
publicado por padrinhosdeportugal às 20:47

Com 40 euros por mês pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá f
Podcast Padrinhos de Portugal
Godparents of Portugal

Este projecto começou em Novembro de 2002, depois de ter estado dois meses a trabalhar como voluntária na Cidade da Beira, em Moçambique, junto de crianças extremamente carenciadas. A vontade de fazer algo mais e com uma maior continuidade, levou a que surgisse a ideia de montar um semi-internato no Alto da Manga, um bairro localizado no mato, acerca de quinze quilómetros da Cidade da Beira.
Comecei por pedir a ajuda de um padre e de uma freira locais, que se responsabilizaram desde logo pela gestão do projecto no terreno, e iniciei então a selecção de dez crianças oriundas de familias bastante desfavorecidas.
O projecto começou com 10 crianças e 10 padrinhos. Actualmente são 600.
Catarina Serra Lopes
padrinhosdeportugal@gmail.com
Com 40 euros mensais pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá fazer sem a sua dádiva.

De forma a potenciar a Associação e a encetar novos projectos, complementares ao apoio às crianças, os Padrinhos de Portugal aceitam contribuições esporádicas de empresas e particulares, sem ser necessário um apadrinhamento permanente. Para efeitos fiscais é passado um recibo ao abrigo da lei do mecenato. Contribua através do NIB - Número de Identificação Bancária 0010 0000 42292330001 85 IBAN - Numero Internacional de Conta Bancária PT50 0010 0000 4229 2330 0018 5 SWIFT/BIC BBPIPTPL
pesquisar
 
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO