* Padrinhos de Portugal *

Dezembro 21 2010
Em anexo enviamos as imagem tiradas no dia da festa do natal dos meninos, sao muitas mas de pouco a pouco vamos enviando. Espero que atraves delas possam ver a de felicidade que cabia aos meninos do centro neste dia impar.
Bjs e Bom Natal a Todos

publicado por padrinhosdeportugal às 15:59

Olá Catarina
Tomei conhecimento da obra extraordinário que iniciou e estou empenhada em juntar o meu apoio à muita gente solidária que se lhe juntou.
Como posso 'amadrinhar' uma criança?
Aguardo me seja informado sobre o procedimento que devo ter.

Um abraço solidário.
Fátima Costa

Fatima Costa a 5 de Janeiro de 2011 às 18:00

torpedo gratis, torpedo , torpedo oi , torpedo tim , torpedo claro , torpedo vivo , torpedos gratis
, oi torpedo , vivo torpedo , claro torpedo , tim torpedo
torpedo gratis a 5 de Abril de 2011 às 20:24

Com 40 euros por mês pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá f
Podcast Padrinhos de Portugal
Godparents of Portugal

Este projecto começou em Novembro de 2002, depois de ter estado dois meses a trabalhar como voluntária na Cidade da Beira, em Moçambique, junto de crianças extremamente carenciadas. A vontade de fazer algo mais e com uma maior continuidade, levou a que surgisse a ideia de montar um semi-internato no Alto da Manga, um bairro localizado no mato, acerca de quinze quilómetros da Cidade da Beira.
Comecei por pedir a ajuda de um padre e de uma freira locais, que se responsabilizaram desde logo pela gestão do projecto no terreno, e iniciei então a selecção de dez crianças oriundas de familias bastante desfavorecidas.
O projecto começou com 10 crianças e 10 padrinhos. Actualmente são 600.
Catarina Serra Lopes
padrinhosdeportugal@gmail.com
Com 40 euros mensais pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá fazer sem a sua dádiva.

De forma a potenciar a Associação e a encetar novos projectos, complementares ao apoio às crianças, os Padrinhos de Portugal aceitam contribuições esporádicas de empresas e particulares, sem ser necessário um apadrinhamento permanente. Para efeitos fiscais é passado um recibo ao abrigo da lei do mecenato. Contribua através do NIB - Número de Identificação Bancária 0010 0000 42292330001 85 IBAN - Numero Internacional de Conta Bancária PT50 0010 0000 4229 2330 0018 5 SWIFT/BIC BBPIPTPL
pesquisar
 
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO