* Padrinhos de Portugal *

Maio 06 2009

«Aqui vai um pequeno relato da minha breve visita: adorei conhecer todo o projecto e sobretudo as pessoas que estão à frente dele, a dedicação e preocupação com que o fazem não é comum, conseguem autênticos milagres com recursos mínimos, e sobretudo preocupam-se realmente com aquelas crianças e dão-lhe carinho que é uma das coisas que mais me chocou em Moçambique é a falta de carinhos que todas as crianças têm por parte dos pais.

Mais uma vez queria agradecer pela forma calorosa como nos receberam e pelo cuidado que têm por todas essas crianças tão carenciadas de tudo.

Um grande beijinho a todas essas pessoas maravilhosas que trabalham em Marracuene e que tornam a vida destas crianças melhor e mais feliz.»

Madrinha Ana e Familia

publicado por padrinhosdeportugal às 16:27

Com 40 euros por mês pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá f
Podcast Padrinhos de Portugal
Godparents of Portugal

Este projecto começou em Novembro de 2002, depois de ter estado dois meses a trabalhar como voluntária na Cidade da Beira, em Moçambique, junto de crianças extremamente carenciadas. A vontade de fazer algo mais e com uma maior continuidade, levou a que surgisse a ideia de montar um semi-internato no Alto da Manga, um bairro localizado no mato, acerca de quinze quilómetros da Cidade da Beira.
Comecei por pedir a ajuda de um padre e de uma freira locais, que se responsabilizaram desde logo pela gestão do projecto no terreno, e iniciei então a selecção de dez crianças oriundas de familias bastante desfavorecidas.
O projecto começou com 10 crianças e 10 padrinhos. Actualmente são 600.
Catarina Serra Lopes
padrinhosdeportugal@gmail.com
Com 40 euros mensais pode pagar as despesas de saúde, uma refeição diária, livros, cadernos, lápis, canetas, matricula, propinas e farda, a uma criança de Moçambique que dificilmente o poderá fazer sem a sua dádiva.

De forma a potenciar a Associação e a encetar novos projectos, complementares ao apoio às crianças, os Padrinhos de Portugal aceitam contribuições esporádicas de empresas e particulares, sem ser necessário um apadrinhamento permanente. Para efeitos fiscais é passado um recibo ao abrigo da lei do mecenato. Contribua através do NIB - Número de Identificação Bancária 0010 0000 42292330001 85 IBAN - Numero Internacional de Conta Bancária PT50 0010 0000 4229 2330 0018 5 SWIFT/BIC BBPIPTPL
pesquisar
 
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO